sexta-feira, julho 2

Quando a gente se cala.

   Se lembre do dia em que, por algum momento, seu olhar cessou, ficou imóvel. Se lembre do sentimento, dos pensamentos. Doeu, não? 
   Esses lembranças são frutos, é claro, do que sentimos hoje. É incrível como nossas reações se modificam em segundos. O mesmo povo que antes gritava, batia palma, fazia show com a vuvuzela, depois do apito no final do segundo tempo, estava paralisado. Havia olhares, olhares fixos, olhares pensantes. Silêncio por fora e muitos questionamentos por dentro. Sentimento de que podia ser diferente, vontade de modificar o que ocorreu nos últimos minutos e finalmente aquela ideia bailando em nossas mentes: " parece que tudo foi mentira".
  Foi um dia em que toda nação pôde se identificar com essas características, mesmo aqueles mais céticos pelo futebol puderam sentir o "baque" do resultado. Como diz o gerador da nova expressão dos brasileiros, aquela que assim começa: "Cala a boca,G-----!", foi apenas um jogo. Realmente, apenas um jogo, mas um jogo que origina um comprometimento que vai além da palavra apenas, há um significado muito maior.
 É esse significado que gera todas emoções comentadas no início desse texto, são elas que nos desiludem e, em outras ocasiões, nos alegram. Mas o que fazer depois que tudo acaba, depois que a oportunidade passou, depois de não se poder reverter o resultado? O quê?
  Em outros anos, a seleção já perdeu vários títulos de Copa e, depois dos 4 anos de preparação, pôde alcançar o que almejava assim como ocorreu quando recebemos o título de pentacampeões. Os jogadores que estavam na Copa de 1998 e que sentiram o gosto de segurar a taça em 2002 podem nos dizer o que acontece depois de que tudo passa.
 Persistir, manter o sonho, apoiar, corrigir o que passou, adquirir experiência e fazer da dor um motivo a mais para toda essa busca é o que devemos ter como resposta. Dói, dói muito, mas com certeza vale a pena permanecer com os mesmos objetivos já que o gosto da vitória vai além de um olhar longínquo e imóvel, ele gera reações capazes de restaurar a auto-confiança perdida há anos, capazes de nos fazer vibrar. Não é apenas no futebol, é na vida.


Força a todos, até mais.

10 comentários:

Wellington Johnny disse...

Ná verdade todos nos brasileiros estamos de luto! Depositamos muita confiança. Mas não aconteceu da forma que esperavamos. No meu blog tbm falei sobre esse assunto. Quando puder pode vizitar lá

http://identidadeposmoderna.blogspot.com/

Leticia disse...

Muito triste pelo o que aconteceu hj ¬¬
Todoss nééé... mas..vamos depositar a esperança em 2014 :) quem sabeee..

coto10 disse...

Nosso muito bom, estou começando a escrever agora.

Espero chegar um dia em seu nivel, parabens.

Realmente foi muito triste a eliminação, e o Dunga morreu abraçado com seus 23 jogadores.

Visite meu blog quando der.

Juηiøя disse...

Nossa vc escreve muito bem

eu inda estou abalado com o que aconteceu mas parabens pelo blog

by:http://adolescente-antenado.blogspot.com/

Francisco Júnior disse...

Belo texto, Laura! Vamos aproveitar essa lição, que foi a derrota da seleção brasileira, para reconhecer que na vida temos decepções bem maiores, mas que não damos importância devida para corrigir, aprender e se reerguer, que é o que devem fazer os jogadores. Abraço!

M. Araújo disse...

Seria bom que os brasileiros adotassem essa união gerada pela euforia da copa pra tentar resolver seus múltiplos problemas sociais, pq eu tenho certeza que o fracasso é bem menor do que a fome comum a tanta gente por aqui.Abraço!

Denis Bitencourt disse...

Lindo texto. Acho que conseguiste transformar m palavras o que muitos sentem no momento.

Anderson Massolino disse...

Realmente a copa do mundo mexe com os corações do mundo inteiro,pra nós sobrou 1 dunga,11 sonecas e 190 milhões de zangados,hehehehehehe.
mas futebol em copa do mundo é assim,a gente quer ganhar sempre,mas esquecemos que tem mais 31 paises que se prepararam pra buscar esse mesmo sonho.
depois do apito final,eu fiquei muito triste,mas sei que os jogadores que ali estavam lutaram até fim.mas é assim.já sorrimos várias vezes,agora chegou o momento de irmos as lágrimas.

~Yla Violet disse...

É verdade, mexe com muitagente mesmo =/ mais eu ja sabia q nao ia ganhar..
dava pra perceber pelos primeiros jogos, vamos confessar que o brasil estava jogando bem ''ruinzinho'' mais o tempo passa a tristeza né, com o tempo vamos tocar nossas vidas e acreditar que daqui a 4 anos será capaz de ter o título de hexa!! ;D

Henrique do Carmo disse...

cada texto seu que leio mais seu fã eu fico....Sonhos são pra sonhar mesmo..o ser humano nunca vai se dar por satisfeito...ele sempre busca algo a mais e é isso que nos torna mais singular...nos torna unicos.

Postar um comentário

Bem-vindos!

Minha foto
Um conjunto de antíteses e uma mente apaixonada, que pulsam juntos em forma de sonhos. Graduanda em Psicologia e ex-estudante de Jornalismo na UFRGS.

Eles aprovam: