quarta-feira, fevereiro 24

Metamorfose

   Mais do que uma escolha, uma necessidade.

   O mais famoso livro de Kafka, A Metamorfose, usufrui de uma metáfora para observar as transformações que ocorrem em nossas vidas. Nossa atenção se dirige para Gregor Samsa durante o enredo, cidadão ativo em seu emprego, por meio do qual mantém o sustento da família. Certo dia, acorda transformado em um inseto e, a partir de então, exibe-se o clímax de nosso conto. Gregor é ignorado pela família e, além disso, se abstém da mudança que sofreu, com a qual apenas sua irmã busca maneiras convenientes para lidar. Apesar de tratar de uma transformação física, Kafka procurou explorar as mudanças sentimentais e psicológicas que nos rodeiam  a cada momento.
  Maiores informações a respeito do conto: A Metamorfose ( Wikipédia)

   Mesmo que a maior parte de nossos dias não nos cause impactos significativos, os poucos dias em que somos surpreendidos provocam diferenças no período posterior. Sejam elas positivas ou não, devemos estar dispostos a conviver com esse momento.
   São curiosos os períodos em que relemos um texto escrito por nós há alguns anos ou observamos desenhos, fotos e vídeos de que fizemos parte e nos deparamos com a famosa frase: "Como fui capaz de ser ou de escrever deste modo?". Nem sempre conseguimos explicar de que forma modificamos e somamos princípios à nossa personalidade ou em que período nosso físico foi modificado.
   Todos estamos sujeitos a períodos de transformação, mas não é aconselhável que nos portemos como nosso amigo, Gregor, que procurou ignorar sua mudança e permitiu que ela o prejudicasse, já que se trancou por meses em seu quarto, onde não almejou obter uma postura que trouxesse crescimento à sua vida familiar e profissional, ele permitiu que aquele item o impedisse de prosseguir,de lutar.
  Gregor encontrou-se sem apoio familiar no momento da transformação. Nós, por outro lado, necessitamos estar sempre preparados para trabalhar com rigor a fim de que a mudança se adeqúe ao nosso cotidiano sem interferir em nossos planos e seja capaz de vigorar para exibir o lado  proveitoso para que veio, mesmo que não tenhamos alguém que nos incentive, que creia em nosso potencial.
   Apesar de desejarmos ou não, mudanças se fazem sempre presente e não são aceitas em todos momentos por aqueles que nos rodeiam. Modificar implica coragem, coragem implica força de vontade, força para que nos expusemos com intuito de crescer. Mudanças nem sempre são motivo de alegria, podem exigir muito preparo, mas são necessárias para moldar nosso caráter e nos levar a uma evolução que nos insira em uma nova fase, que nos auxilie para que saibamos lidar com os novos atributos que se apresentam à nossa frente.
  A  metamorfose bate à sua porta, esteja pronto para a receber com disposição.

9 comentários:

Macaco Pipi disse...

ta certa
segue em frente

PatriciaCruz disse...

Amei o texto.

"Como fui capaz de ser ou de escrever deste modo?"

É veradade, morro de rir quando encontro algum desenho ou histórinha que eu fazia para meus pais quando era criança. Muito estranho. haha

Parabéns pelo blog, muito bom (:
beijos

Ação Publicidade e Propaganda disse...

Oii Lauraa! Desculpe a demora, mais com isso de Carnaval, sabe.. ficamos meio distante desse mundo de internauta!
Que legal que você gostou do blog! Vamos sempre colocar coisas novas e interessantes, viu!

Livro? adoro leer!
as vezes a vida corrida faz com que deixemos isso um pouco de lado, mais confesso que até mesmo uns filmes prefiro ler o livro!

Seguidora de vc"

beijoos

Luuu Champps

Anderson Massolino disse...

A mudança na vida é necessária,só que temos que saber lidar com as mudanças,pois algumas vezes por necessidade temos que nos afastar de coisas ou pessoas que gostamos.
mas isso faz parte da vida e é um bem necessario.
abração

Marcos Baines disse...

mudar é dificil.... mudar os pensamentos ainda mais.... so que.... ninguem falo que ia ser facil... e se fosse nao teria graca!


markin.mo@hotmail.com me add no msn

João V. Schultz disse...

LAURA! Nossa muito tri tua introdução, nas férias divergi quanto a comprar A Metamorfose do Kafka ou Caim do Saramago. No fim, optei pelo Saramago, mas fiquei com uma vontade de ler o outro!
Creio que a metamorfose seja, na realidade, uma inversão da realidade. Porque a modança é tão impactante? Simplismente por não estarmos habiatuados a ela. Temos a tendência da manutenção do "status quo", mas mudar é necessário e bom. Cair é importante, e melhor ainda quando há alguém para nos ajudar a levantar ( um amigo, um amor, um objetivo ou talvez aquilo que alguns chamam de Deus).

Seja como for, metamofosei-se!

Rafael Gloria disse...

Ah, então você é a Laurinha! Calma, deixa eu explicar: eu trabalho no jornal do comercio, e todo dia passava na frente de um prédio onde tinha uma faixa escrita Laurinha Bixo UFRGS Jornalismo. Aí pensava, "que legall...seremos colegas de faculdadee, ela deve ter bom gosto por ter optado por jornalismo" hehe...E não é que um dia (hoje precisamente) voltando para casa depois do cinema, eu vejo um comentário no meu blog justamente da Laurinha? É muita coincidência..ehhe.

Bom, fico muito feliz que tenha gostado do meu blog. Escrever é o que realmente amo fazer...atualmente estou no sétimo semestre, entrei em 2007/1(sim, acho que me formo esse ano) e aprendi muito com a faculdade...tive meus bons e maus momentos, mas acabei gostando dessa coisa de ser jornalista, principalmente também graças aos estágios..espero que possamos manter contato!

beijoo! =D

Francisco Júnior disse...

Ótimo texto! Gosto do jeito que vc escreve. Uma vida sem mudanças se torna difícil, infeliz... Uma das coisas que torna a vida fantástica é mudar e aprender, olhar pro passado e ver como evoluímos, como aprendemos com os erros. Parabéns!

BLOGUEIRO EXECUTIVO disse...

Informativo e ao mesmo tempo reflexivo, casamento perfeito!!!!!

Postar um comentário

Bem-vindos!

Minha foto
Um conjunto de antíteses e uma mente apaixonada, que pulsam juntos em forma de sonhos. Graduanda em Psicologia e ex-estudante de Jornalismo na UFRGS.

Eles aprovam: